Em 2012 o Facebook anunciou a compra do Instagram por um bilhão de dólares. Na época o negócio parecia arriscado, mas ao mesmo tempo promissor. Arriscado porque o Instagram ainda não gerava lucros, semelhante ao que acontecia com o YouTube quando o Google o comprou. Promissor porque o público dessa rede social era fiel e com um diferencial que interessava muito ao Facebook: a maior parte dos usuários era jovem, faixa etária cada vez menos presente na rede de Mark Zuckerberg.

Atualmente, o Instagram já mostra que foi um negócio rentável. Podemos dizer que de três anos para cá a rede social ficou ainda mais forte, gerando retornos interessantes. A fonte do lucro vem da abertura de canais de mídia, muito interessantes para empresas que querem estar próximas de seus consumidores, gerando engajamento de uma maneira muito mais amigável do que nas mídias tradicionais.

O artigo de hoje explicará as particularidades e os benefícios trazidos pelos anúncios no Instagram, mostrando como você e sua empresa podem extrair o melhor dessa rede social a seu favor:
 

1. Conheça a mecânica dos anúncios (dark posts)

Os anúncios do Instagram seguem o princípio dos Dark Posts no Facebook. Ou seja: eles não ficam presentes na página oficial da marca ou empresa, aparecendo apenas na linha do tempo do usuário. Esse tipo de anúncio permite que você trabalhe com uma comunicação mais varejista e agressiva, já que muitas vezes o foco na fanpage é relacionamento.
 

2. Escolha o formato (imagem, vídeo ou carrossel)

São três modalidades de anúncio. Imagem e vídeo já são tradicionais, sendo o carrossel a novidade que mais chama atenção. Essa opção é muito interessante para quem deseja expor vários produtos, como acontece em lojas de roupas, por exemplo. Nesse tipo de anúncio, uma foto fica em exibição e a pessoa pode “rolar” o anúncio para exibir mais fotos, ao clicar na seta ao lado das imagens.
 

3. Pense no call to action

Até o momento existe apenas call to action (botões com convite à ação) padronizados, não sendo possível personalizá-los. As opções mais usadas são: Entre em contato, faça o download, Cadastre-se, Veja mais.
 

4. Use a segmentação

O Instagram cruza dados do Facebook para fazer a segmentação dos anúncios. Use esse benefício a seu favor, escolhendo bem seu público para fazer uma comunicação dirigida e ele.
 

5. Lembre-se do básico

A regra de texto nos anúncios é a mesma do Facebook, ou seja: apenas 20% do espaço da peça pode ser ocupado por material escrito. Por isso, poupe tempo com refações e – já na hora da criação das artes das peças – calcule qual a área que você tem disponível para escrever sua mensagem.

**

O Instagram chama a atenção de muitos anunciantes por ser uma rede mais jovem que o Facebook, como já citamos anteriormente. Mas outro fator muito importante é que as pessoas que usam essa rede a consideram muito mais positiva e alegre. As postagens costumam ser de fotos bonitas mostrando o lado bom da vida, ao contrário do que acontece muitas vezes no Facebook, que virou um mural de reclamações. Que marca, portanto, não gosta de estar presente em um local onde as pessoas se sentem bem e estão confortáveis? Lembre-se desse forte argumento quando precisar defender o Instagram no plano de investimentos da sua empresa.

A Labbo é especialista em marketing digital e oferece várias soluções de mídia e planejamento. Entre em contato e descubra tudo que podemos fazer para ajudar sua empresa a crescer e marcar presença nesse universo on-line.

#anúncios #anúncios para o Instagram #dark posts #Instagram